6 de novembro de 2011

Doce.




Há mais que doçura nesse sentimento. Há mel. Por isso que os ferrões da vida nos fazem tão bem, ele é doce e ao mesmo tempo é dor. Ele não precisa se encaixar em versões, apenas se dissolve a medida do sabor. Uma pequena dose e aquele mundo apagado se transforma em mel, em doce. 




Curta o blog no Facebook:  Página do Epifania

Ela

Ela
Olá, me chamo Arianne Morais e faço Letras na Universidade Federal de Pernambuco (UFPE). Criei o blog Eppifania no final de 2010 com a intenção de compartilhar meus textos pessoais. Antes, eu adotava o pseudônimo "Arianne Barromeu", mas em 2017 isso mudou. Além de postar contos e algumas crônicas, o blog também conta com resenhas e indicações de livros.

Mais visitados

Minha estante #LeiaMulheres

Minha estante #LeiaMulheres
Ler mulheres é importante! Acompanhe o que estou lendo em @ariannecmorais e @blogeppifania

Receba os posts por e-mail: