}

24 de agosto de 2012

Desabafo Feminino: Ex, TPM e keep calm.

        Dsc_0366_large

        As únicas notícias que você tem dele são: “Ele superou numa boa”, “seguiu em frente” e o famoso fura olho (só para algumas mulheres)  “já encontrou outra e está super feliz”. Ponto. Acabou. Fim da linha e seguir em frente. As coisas poderiam seguir esse rumo, sem nenhum problema, mas daí aquele cara que não te entendeu ou tinha o enorme problema em mentir, te liga. Simplesmente pergunta se está tudo bem com você e como tem sido sua vida desde a separação. Você reflete um pouco sobre essa cena cômica da vida e se pergunta: “Mas o que diabos é isso?” O telefone tocou, viu o número dele e a vontade de ignorá-la era grande, mas não deu.

        São naqueles dias que você só quer assistir filmes românticos com um pote enorme de chocolate do lado: TPM. No meu caso, só quero ouvir músicas deitada na cama. Só quero esquecer aquela dor insuportável, ela não perdoa. Vai e vem, vem e vai. Mais remédios, por favor. Aqueles comerciais de mulheres saltitantes com as respectivas marcas de absorventes são a maior mentira que as mulheres conhecem. Você não ri, você chora. Mas é um choro de raiva. Keep Calm... TPM passa e com ex se vira a página.


“Oi canalha, não pergunte como estou, porque estou bem. Na verdade, o motivo da minha felicidade foi a nossa separação. Quis soltar fogos de artifícios aqui no prédio e alugar um carro de som para anunciar por toda avenida o quanto você não presta como raça masculina. Desvendar a sujeira por trás dessas suas palavras mal-intencionadas e que deixam qualquer guria de corpo caído por você. Você deveria tentar novas cantadas. Dizer para todas as mulheres que elas são a mulher da sua vida está perdendo a credibilidade ou você curte um nome sujo no SPC? Não fique orgulhoso por ser um canalha, eles não prestam. Sacou a ligação? Ah, não vou comentar aquela sua mania ridícula de inventar coisas que nunca aconteceram por aí. Afinal, quando se cai na telha o resultado é bem melhor. E, antes que você abra sua boca para argumentar qualquer coisa, é melhor ficar bem caladinho e guardar tudo o que eu disse. Engolir seco é a sua única opção agora, queridinho”.

       Ops, falei demais? Pena que foi tudo vontade. Atendi seu telefonema com dores no corpo inteiro, com tédio e a enorme vontade de mandá-lo catar coquinhos pelos arredores do centro da terra.

“Oi, quanto tempo. Tô bem sim. Ah! Nossa! Tenho uma super novidade para te contar: Estou numa dieta recomendável de canalhas. E sabe da melhor? O teu nome é o primeiro da lista. Bebezão!” Fim da ligação.


É, essa ele mereceu. 




@ariannebarromeu
Curtiram a nova tag "Desabafo feminino"?